O simbolismo do arco-íris

O arco-íris é um fenômeno da natureza que surge quando a luz do sol chega às gotículas de água presentes no céu após a chuva. Esse efeito chama-se refração e o que ocorre é a divisão da luz branca em espectros coloridos desde o ultravioleta até o infravermelho. Para além da ciência o ser humano, sempre em busca de explicar sobre a sua origem através dos símbolos, possui histórias muito antigas que envolvem esse efeito que nos parece tão mágico.

Para começar, seu nome é uma homenagem à deusa grega Íris. Mensageira dos deuses, ela deixava um rastro colorido nos céus.

Imagem em um vaso ateniense, pertencente à Grécia Antiga.

Para os Iorubás, um povo africano que trouxe bastante influência para o Brasil, o arco-íris é carregado por Osùmarè. Também conhecido como cobra arco-íris, este ancestral simboliza a mobilidade e a atividade. Diz-se que ele era o encarregado de levar de volta para as nuvens a água da chuva através do arco-íris.

“Oxumarê”, por Carybé

Na Irlanda existe a lenda de que no fim de cada arco-íris existe um pote de ouro guardado por um leprechaun (duende ou gnomo). Já pensou? Nos países nórdicos, como a Noruega, povos antigos que tinham Thor e Odin como deuses, acreditavam que a Bifröst, a ponte que interligava Midgard (a Terra) e Asgard (o mundo divino) era um (adivinhem?) arco-íris.

“Menina encontra Leprechaun guardando ouro em um arco-íris”, por Robert Lawson.
Asgard, por Jack Kirby para Marvel Comics

Para cristãos, muçulmanos e judeus, o arco-íris também é visto como o arco da aliança; um símbolo considerado divino e que teria aparecido após o Dilúvio como uma mensagem de que dali para a frente não mais teriam enchentes daquela magnitude.

Como podemos ver, independente de sua origem, o arco-íris costuma representar caminhos de conexão aos deuses ou mensagens divinas.

Para além de religiões, o arco-íris ganhou outros significados também. Em alguns países europeus e nos Estados Unidos, crianças pintaram vários arco-íris como símbolo de esperança frente à pandemia de coronavírus. Entretanto, uma das simbologias mais fortes na contemporaneidade têm sido a criada por Gilbert Baker.

Designer americano, Baker criou em 1978 a bandeira LGBT com as cores do arco-íris. Originalmente a bandeira possuia 8 cores com alguns significados: rosa [sexualidade]; vermelho [vida]; laranja [cura]; amarelo [luz do sol]; verde [natureza]; turquesa [arte/mágica]; anil [harmonia]; violeta [espírito humano]. Na época 30 voluntários auxiliaram o artista a pintar à mão essa bandeira que serviria para o Dia da Liberdade Gay na Califórnia. Gilber Baker dizia que sua intenção era criar um símbolo que representasse a diversidade a inclusão. Hoje em dia é bastante utilizada nas Paradas LGBT no Brasil e no mundo e também no dia 28 de junho, Dia do Orgulho LGBT, criado em homenagem à uma rebelião de clientes LGBT de um bar chamado Stonewall Inn. onde passavam por constantes invasões e situações preconceituosas.

Aniversário de 25 anos da bandeira, comemorado em 2003

Embora tenha uma origem diferente dos arco-íris mitológicos, a bandeira LGBT também traz uma mensagem: a do amor e do respeito.

Vamos criar agora um arco-íris? Confere aqui embaixo um vídeo que preparei ensinando a criar um. Você pode reproduzir com lápis de cor ou através de pintura digital no celular (existem vários aplicativos para isso).

Fontes:

A história por trás da bandeira arco-íris, símbolo do orgulho LGBT

Arco-íris na Wikipedia

Deusa Íris

Oxumarê

A rebelião de Stonewall

Pintura “Menina encontra um leprechaun …”

Arte de Asgard, por Jack Kirby

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s